VISA



REGIÃO 1 – RESIDENTES NO ESTADO DE SÃO PAULO, MATO GROSSO DO SUL, MATO GROSSO E TRIÂNGULO MINEIRO. ATENDIDOS PELO CONSULADO DE SÃO PAULO.

A relação abaixo de documentos requeridos pelo Consulado para a emissão de visto se aplica à maioria dos casos.
O consulado poderá solicitar documentos adicionais.
Todas as cópias autenticadas terão que estar no tamanho A4

Link 1 Formulário de Visto
http://www.sp.br.emb-japan.go.jp/pdf/form_visto.pdf

Link 2 Certidão de Antecedentes Criminais Polícia Federal
https://servicos.dpf.gov.br/sinic-certidao/emitirCertidao.jsp

Link 3 Certidão de Antecedentes Criminais Estado de São Paulo
http://www.ssp.sp.gov.br/servicos/atestado.aspx

Link 4 Carta de Garantia Padronizada pelo Consulado
http://www.sp.br.emb-japan.go.jp/pdf/form_carta_garantia10.pdf

 

REGIÃO 1 VISTO DE TRABALHO FILHO DE CIDADÃO JAPONÊS (NISSEI)

– Passaporte com validade de no mínimo 6 meses (original) e todos os anteriores caso já tenha ido ao Japão
– Formulário de Pedido de Visto (download Internet veja link 1 acima), assinar duas vias com caneta de tinta preta
– Duas fotos 3 x 4 (recente, fundo branco e sem data)
– R.G. do requerente (2 cópias autenticadas)
– Certidão de Nascimento do requerente (2 cópias autenticadas). É preciso constar nome dos avós e data de registro na Certidão de Nascimento
– R.G., R.N.E. ou Certidão de Óbito dos Pais (2 cópias autenticadas). Não é necessário se óbito constar no Koseki.
– Certidão de Casamento dos Pais (2 cópias autenticadas). Não é necessário se casamento constar no Koseki.
– Koseki-Tohon ou Koseki-no-zembujikoshomei (original) validade 1 ano. Kaiseigen Koseki e Koseki Shouhon não servem no Consulado de São Paulo.
– Fotos da infância, adolescência e atuais com os pais, se requerente for mestiço

Apresentar Certidão de Nascimento de Inteiro Teor caso solicitado
Apresentar Comprovante de Residência caso solicitado.

 

REGIÃO 1 VISTO DE TRABALHO NETO DE CIDADÃO JAPONÊS (SANSEI)

– Passaporte com validade de no mínimo 6 meses (original) e todos os anteriores caso já tenha ido ao Japão
– Formulário de Pedido de Visto (download Internet veja link 1 acima), assinar duas vias com caneta de tinta preta
– Duas fotos 3 x 4 (recente, fundo branco e sem data)
– R.G. do requerente (2 cópias autenticadas)
– R.G. dos Pais conforme Koseki-Tohon (2 cópias autenticadas). Certidão de Óbito se falecidos
– Certidão de Nascimento do requerente (2 cópias autenticadas)
– Certidão de Nascimento do Pai ou Mãe conforme Koseki-Tohon (2 cópias autenticadas)
– Certidão de Casamento dos Pais (2 cópias autenticadas)
– R.G., R.N.E. ou Certidão de Óbito dos Avós (2 cópias autenticadas). Não é necessário se óbito constar no Koseki.
– Certidão de Casamento dos Avós (2 cópias autenticadas). Não é necessário se casamento constar no Koseki.
– Koseki-Tohon ou Koseki-no-zembujikoshomei (original) validade 1 ano. Kaiseigen Koseki (改製原戸籍謄本) e Koseki Shouhon (戸籍抄本) não servem no Consulado de São Paulo.
– Fotos da infância, adolescência e atuais com os pais, se requerente for mestiço
– Certidão de Antecedentes Criminais Federal para requerente com mais de 18 anos de idade (original, validade 90 dias). Pode ser emitido pela Internet veja link 2 acima
– Certidão de Antecedentes Criminais Civil para requerente com mais de 18 anos de idade (original, validade 90 dias) emitidos pelos órgãos do estado onde reside. Para o Estado de São Paulo, pode ser emitido pela Internet veja link 3 acima.

SÃO PAULO: Instituto de Identificação Ricardo Gumbleton Daunt da Polícia Civil da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo
MATO GROSSO: Coordenadoria Geral de Identificação da Secretaria de Justiça e Segurança Pública do Estado de Mato Grosso
MATO GROSSO SUL: Instituto de Identificação Gonçalo Pereira da Coordenadoria Geral de Perícias da Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública do Estado de Mato Grosso do Sul
MINAS GERAIS: Instituto de Identificação da Polícia Civil, da Secretaria de Segurança Pública do Estado de Minas Gerais

Apresentar Certidão de Nascimento de Inteiro Teor caso solicitado
Apresentar Comprovante de Residência caso solicitado.

 

REGIÃO 1 VISTO DE TRABALHO CÔNJUGE DE NISSEI OU SANSEI

– Passaporte com validade de no mínimo 6 meses (original) e todos os anteriores caso já tenha ido ao Japão
– Formulário de Pedido de Visto (download Internet veja link 1 acima), assinar duas vias com caneta de tinta preta
– Duas fotos 3 x 4 (recente, fundo branco e sem data)
– R.G. do requerente (2 cópias autenticadas)
– Certidão de Nascimento do cônjuge (2 cópias autenticadas)
– R.G. do cônjuge (2 cópias autenticadas)
– Segunda Via Recente da Certidão de Casamento válida por 2 meses com firma reconhecida do oficial que emitiu (2 cópias autenticadas)
– Koseki-Tohon ou Koseki-no-zembujikoshomei (original) validade 1 ano. Kaiseigen Koseki (改製原戸籍謄本) e Koseki Shouhon (戸籍抄本) não servem no Consulado de São Paulo.
– Comprovantes de convivência do casal, desde os mais antigos até os mais recentes (caso solicitado)
– Fotos do namoro, casamento e convivência (caso solicitado)
– Histórico de Relacionamento. Escrever uma declaração de como se conheceram
– Relatório de Convivência do Casal escrito pela parte descendente
– Certidão de Nascimento dos Filhos (1 cópia autenticada)
– Certidão de Antecedentes Criminais Federal para cônjuge de sansei com mais de 18 anos de idade (original, validade 90 dias). Pode ser emitido pela Internet veja link 2 acima
– Certidão de Antecedentes Criminais Civil para cônjuge de sansei com mais de 18 anos de idade (original, validade 90 dias) emitidos pelos órgãos do estado onde reside. Para o Estado de São Paulo, pode ser emitido pela Internet veja link 3 acima.

SÃO PAULO: Instituto de Identificação Ricardo Gumbleton Daunt da Polícia Civil da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo
MATO GROSSO: Coordenadoria Geral de Identificação da Secretaria de Justiça e Segurança Pública do Estado de Mato Grosso
MATO GROSSO SUL: Instituto de Identificação Gonçalo Pereira da Coordenadoria Geral de Perícias da Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública do Estado de Mato Grosso do Sul
MINAS GERAIS: Instituto de Identificação da Polícia Civil, da Secretaria de Segurança Pública do Estado de Minas Gerais

 

DOCUMENTOS DE FIADOR CÔNJUGE (CÔNJUGE DESCENDENTE MORANDO NO JAPÃO)

– Carta de Garantia Padronizada pelo Consulado (download Internet veja link 4 acima)
– Zaishoku Shomeisho – Atestado de Trabalho (original)
– Juminhyo – Atestado de Residência (original)
– Zairyu Card (frente e verso) (cópia comum)
– Guensen – Comprovante de Imposto (original do ano anterior) e três últimos holerites originais
– Passaporte (folhas 1, 2, 3 e todos os carimbos de vistos, mesmo vencidos, entradas e saídas) (cópia comum)

 

NISSEI OU SANSEI COM REENTRY

Passaporte Original
Carta de Garantia Padronizada pelo Consulado (download Internet veja link 4 acima)
Contrato de Trabalho (Koyonaiteisho) no nome do cônjuge Nissei ou Sansei
Para quem já tem Cartão de Permanência (Zairyu Card) cópia frente e verso, caso não tenha cópia do Gaijin Toroku frente e verso


Links : Consulados e escritórios Consulares do Japão no Brasil

https://www.br.emb-japan.go.jp/itpr_pt/enderecos_uteis.html